06 de dezembro

GDF - Administrações Regionais
8/08/21 às 9h59 - Atualizado em 17/08/21 às 11h24

Em parceria com a Administração Regional de Brazlândia o instituto IBRES reinaugurou nesse sábado (7) o  primeiro módulo das instalações no Balneário Veredinha.

COMPARTILHAR

Por: Sheylla Martins 

Recentemente foi assinado contrato entre o Instituto Bombeiros de Responsabilidade Social – IBRES e o GDF, tendo como objetivo a execução de projetos pedagógicos voltados para o desporto educacional, participação e rendimento, nos centros olímpicos e paraolímpicos nas regiões administrativas.

Brazlândia será a cidade pioneira desse grande processo que além de valorizar o esporte, promove a empregabilidade dentro da cidade e aquece a economia em diversas frentes.

O administrador Jesiel Costa deu demonstrações de entusiasmo com a parceria que vai gerar a cultura esporte e lazer para a comunidade . 

" A parceria é o fortalecimento do poder público no desejo de servir a comunidade. Buscar alternativas é uma missão daqueles que fazem gestão pública preocupados não apenas com o presente, mas com a visão no futuro", disse Jesiel Costa

A mais nova parceria entre a administração regional de Brazlândia e o Instituto Bombeiros de Responsabilidade Social no modelo adote uma praça dará a comunidade da cidade o retorno das atividades esportivas, sociais e culturais do Balneário Veredinhas.

O evento de lançamento do projeto ocorreu no complexo do Balneário e contou com a participação da comunidade alem de autoridades como : a Secretária de Esporte Giselle Ferreira, Presidente do IBRES Coronel Eugênio Cesar Nogueira, o administrador Regional de Brazlândia Jesiel Costa Rosa, chefe de Gabinete da administração Marcelo Gonçalves  e o Deputado distrital Iolando Almeida.

O espaço que ocupa vinte e cinco mil metros quadrados irá atender mais de onze modalidades esportivas.
Segundo fala do Presidente do IBRES, Coronel Eugenio, O Instituto vem desenvolvendo um trabalho desde 2013 buscando a gestão pedagógica dos centros olímpicos, e através de uma licitação foi possível estar em conformidade e vencer edital de chamamento público.

“O deputado Iolando Almeida disponibilizou duas emendas distritais na área de esporte e ação para que nós pudéssemos desenvolver o desporto não só do centro olímpico, mas da cidade” comentou Eugenio Cesar Nogueira.

A primeira emenda na ordem de R$ 300 mil reais tem programa voltado para o pós Covid, para que as pessoas possam voltar a caminhar e fazer exercícios físicos, além de mais um projeto de desporto que esta agregado a proposta.

A segunda emenda de R$ 750 mil reais agrega outras onze modalidades esportivas sendo duas de futsal , duas de futevôlei, futebol de campo , jiu-jitsu, capoeira , tênis , skate , basquete de rua e o grafite .

“O esporte é a ferramenta que alavanca qualquer um dos outros setores seja ele social ou educacional “. Disse Eugênio Cesar.

Através desse novo projeto será possível empregar mais de sessenta pessoas da cidade promovendo a empregabilidade de profissionais da área do esporte além de promover o uso do espaço público.

Segundo o Deputado Iolando Almeida o esporte é uma área extremamente fundamental é o social que resgata jovens das drogas e tantas outras coisas ruins, salientou o parlamentar.

A Secretária de Esporte Giselle Ferreira afirmou que o esporte será a ponte de uma nova retomada após esse período crítico de pandemia.

“Nós vamos fazer a diferença por meio do esporte, eu sou professora e acredito muito na educação. O esporte não só tira crianças das drogas, mas traz qualidade de vida” ressaltou a Secretária.
 
Referindo-se as questões de parceria público-privada, Giselle Ferreira, defendeu a participação e colaboração de todos que venham para somar buscando o crescimento e desenvolvimento da cidade.

“A secretaria de esporte do DF esta trabalhando e priorizando as parcerias. O bem é para população, o bem é comum. Não tem por que o Estado segurar algo que pode ser feito através de parcerias. É uma ferramenta jurídica que nos da segurança e nos oferece oportunidade de fazer o bem” enfatizou Giselle Ferreira

O instituto IBRES juntamente com Administração Regional de Brazlândia busca uma política de inclusão fortalecendo os mais diversos setores da cidade.

Em breve a Administração Regional trará mais informações de como a comunidade poderá compor esse novo cenário de desenvolvimento da cidade, que promete gerar bons frutos visando inclusive preparar atletas para campeonatos nacionais e internacionais.

     

 

Sheylla Martins 

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros